qui. dez 1st, 2022

Seis homens e uma mulher são resgatados de trabalho análogo à escravidão em MT

Eles catavam raízes e preparavam o solo para plantio de soja na propriedade onde eram mantidos em uma barraca de lona.

Seis homens e uma mulher foram resgatados de condições análogas à escravidão nessa sexta-feira (22), em Vila Bela da Santíssima Trindade, a 521 km de Cuiabá. Os trabalhadores dormiam em barracos de lona e não tinham acesso ao banheiro. O proprietário foi multado em R$ 130 mil, por dano moral e coletivo, de acordo com o Superintendência Regional do Trabalho (SRTb-MT).

O grupo de trabalhadores foi encontrado por auditores fiscais durante a Operação Resgate II, que foi feita de forma simultânea em outros estados.

Eles catavam raízes e preparavam o solo para plantio de soja para um proprietário. O local fica a 130 km da cidade de Vila Bela.

Nenhum dos trabalhadores tinha Carteira de Trabalho assinada, tampouco concluído os estudos e nunca tiveram acesso a emprego qualificado, segundo os auditores fiscais que participaram da ação, Adalto Araújo e Valdiney de Arruda.

Já o proprietário terá de pagar R$ 40 mil de verbas rescisórias, acrescidos de R$ 40 mil por dano moral individual e mais R$ 50 mil de dano moral coletivo.

Além dessa multa, ele irá responder nas esferas administrativas e judiciais.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?

Categorias