qua. set 28th, 2022
Warning: sprintf(): Too few arguments in /home/defaultwebsite/public/wp-content/themes/magazine-7/lib/breadcrumb-trail/inc/breadcrumbs.php on line 254

Cresce o número de eleitores aptos a votar em MT neste ano, diz TRE

Entre janeiro de 2021 e janeiro deste ano, o número de eleitores passou de 2.210.306 para 2.248.137.

Número de eleitores aptos a votar aumentou em MT — Foto: Heloise Hamada/G1

Número de eleitores aptos a votar aumentou em MT — Foto: Heloise Hamada/G1

O número de eleitores aptos a votar em Mato Grosso cresceu 1,7%, conforme dados divulgados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Entre janeiro de 2021 e janeiro deste ano, o número de eleitores passou de 2.210.306 para 2.248.137.

A expectativa do TRE é que esse número aumente ainda mais por causa da procura pela regularização dos títulos e também dos novos cadastros.

Em Mato Grosso, mais 370 mil eleitores estão com os títulos cancelados. O prazo para regularizar termina no dia 4 de maio.

Segundo o TRE, são pessoas que faltaram no dia das eleições ou que não fizeram a biometria.

A coleta biométrica continua suspensa devido à pandemia, mas isso não impede a regularização. De acordo com o Tribunal, as pessoas devem procurar o atendimento virtual.

As solicitações de regularização, emissão de título ou alteração de endereço podem ser feitas pelo sistema TítuloNet.

O TRE informou ainda que quem tiver dúvida também pode entrar em contato pelo ‘disk eleitor’: 0800 647-8191. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h30 até às 18h.

Confira, abaixo, as principais datas do calendário eleitoral em 2022:

  • 1º de janeiro: vedada a realização de pesquisas sem registro no TSE
  • 3 de março a 1º de abril: janela partidária – neste período, candidatos podem mudar de partido sem perder os cargos que já ocupam
  • 2 de abril: data para que presidente, governadores e prefeitos renunciem caso pretendam concorrer a outros cargos (a candidatura à reeleição não exige renúncia)
  • 5 de abril: último dia para partidos ou federações publicarem normas para escolha e substituição de candidatos
  • 15 de maio: permitido o início da arrecadação (financiamento coletivo)
  • 30 de junho: proibida a transmissão de programas apresentados por pré-candidatos
  • 2 de julho: agentes públicos ficam proibidos de exercer qualquer conduta que afete a igualdade de oportunidades entre candidatos
  • 20 de julho a 5 de agosto: realização de convenções partidárias
  • 30 de julho: último dia para propaganda do TSE incentivando a participação de mulheres, jovens e negros na política
  • 3 de agosto: prioridade para remessa postal de partidos e federações; último dia para a nomeação de mesários
  • 6 de agosto: emissoras de rádio e TV ficam proibidas de veicular propaganda política ou dar tratamento privilegiado a candidatos, partidos ou federações
  • 15 de agosto: último dia para o registro de candidaturas
  • 16 de agosto: início da propaganda eleitoral, inclusive na internet
  • 26 de agosto a 29 de setembro: propaganda eleitoral gratuita em rádio e TV
  • 30 de setembro: último dia para a veiculação de propaganda na imprensa escrita
  • 1º de outubro: último dia para veiculação de propaganda eleitoral
  • 2 de outubro: primeiro turno de votação
  • 3 de outubro: retomada da propaganda eleitoral (2º turno)
  • 7 de outubro: retomada da propaganda eleitoral gratuita em rádio e TV (2º turno)
  • 29 de outubro: último dia para veiculação de propaganda eleitoral (2º turno)
  • 30 de outubro: segundo turno de votação

Olá Eu Sou o Raynner, Tenho 14 anos e sou Aprendiz Do site O Pantanal Online

Qual é a sua Opinião?

Categorias