seg. nov 29th, 2021

Deputados aprovam projeto que dispensa comprovante de vacinação para crianças com menos de 12 anos em estádios de MT

No Brasil, não há imunizantes com aprovação da Anvisa para aplicação em crianças.

Projeto destaca que não há motivo para cobrar vacinação de crianças porque não há imunizantes para aprovados para pequenos na Anvisa — Foto: Mayke Toscano/GCOM-MT

Projeto destaca que não há motivo para cobrar vacinação de crianças porque não há imunizantes para aprovados para pequenos na Anvisa — Foto: Mayke Toscano/GCOM-MT

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso aprovou em primeira e segunda votação o projeto de lei que libera crianças de apresentação do comprovante de vacinação para ingressar nos estádios do estado. No Brasil, nenhum imunizante foi liberado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para aplicação em crianças com menos de 12 anos.

O projeto foi apresentado pelo deputado Wilson Santos (PSDB) que apresentou o projeto cobrou celeridade na aprovação. Ele convocou a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) dentro da sessão da Assembleia nesta quarta-feira (24) para apreciação do projeto.

Em seguida, o projeto votado em segunda votação, sendo aprovado por unanimidade. Com isso, o projeto segue para sanção ou veto do governador de Mato Grosso.

Ao defender o projeto, Wilson disse que a matéria era simples já que não há imunizantes que podem ser usados em crianças. O parlamentar destacou que a iniciativa atende a um pedido do Cuiabá Esporte Clube.

“Muitas crianças já estavam arrastando os pais para os estádios e o inverso também acontece. Então, como não há vacinas para essa faixa etária, não tem porque exigir comprovante de vacinação”, destacou o parlamentar.

Neste mês, os estádios de Mato Grosso podem receber 75% da capacidade total de público. Na entrada é necessário apresentar o cartão de vacinação ou teste negativo para Covid-19.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?

Categorias