seg. nov 29th, 2021

PF combate extração de madeira em área onde vivem indígenas isolados em Colniza MT

Nesta quarta-feira (25), a Polícia Federal com o apoio da Força Nacional e Ibama, realizaram ação de repressão ao desmatamento na Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo.

Durante o deslocamento para terra indígena, um veículo que trafegava no local, incorporou ao comboio da fiscalização e adentrou ás proximidades da área a ser fiscalizada, devido a atitude suspeita, o veículo foi abordado pelos policiais. Os ocupantes do veículo informaram que estavam trabalhando em uma região de manejo florestal, fora da terra indígena. Ao averiguar o local, foi constatado um carregamento de madeira que aparentemente estava em situação regular

A PF possui tecnologia de monitoramento (Sistema PLANET-SCCON) que identifica focos de desmatamento com precisão. Com esses dados, ocorrem as incursões policiais para averiguar a real situação, mesmo em regiões de difícil acesso, confirmando o compromisso da instituição na prevenção e combate aos crimes ambientais.

A Terra Indígena Kawahiva do Rio Pardo fica localizada no município de Colniza. A área é habitada por um grupo indígena autônomo (também chamado de isolado), que vive na floresta, sem relações diretas com a sociedade nacional, sofrendo ameaças de madeireiros que atuam na região.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?

Categorias