sáb. nov 28th, 2020

Paulo Cupertino, suspeito de assassinar o ator Rafael Miguel, é preso

Nesta semana, foi revelado que ele conseguiu tirar um novo documento de identidade original, mas com informações falsas, na cidade de Jataizinho (PR)

Paulo Cupertino, suspeito de assassinar o ator Rafael Miguel e dos pais dele, foi preso após ficar foragido por mais de um ano e quatro meses. Nesta semana, foi revelado que ele conseguiu tirar um novo documento de identidade original, mas com informações falsas, na cidade de Jataizinho (PR).

A informação inicial é que o empresário foi preso no Paraná. A Polícia Civil do estado e de São Paulo, onde os assassinatos ocorreram, ainda não passaram detalhes da prisão.

Aparentemente motivado por ciúmes do namoro entre o ator Rafael Miguel, 22 anos, e a própria filha, Paulo Cupertino foi até a casa da família do jovem e disparou 13 tiros contra Rafael e os pais do rapaz — João Alcisio Miguel, 52 anos, e Miriam Selma Miguel, 50 anos. Os três morreram na hora.

Cupertino era contra o namoro da filha, Isabela Tibcherani, com o ator de “Chiquititas”. A finalidade da visita do jovem de 22 anos e sua família seria conversar sobre o relacionamento. Cupertino, no entanto, não deu chance para o diálogo.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?