Garimpeiro morador de Colniza(MT) é morto com 06 disparos de arma de fogo em Aripuanã

Segundo familiares, Jair era uma pessoa de boa índole, sem problemas ou desavença que pudesse levar a uma execução.

Mais uma vítima do garimpo ilegal de Aripuanã deu entrada na noite de sábado (12) na unidade hospitalar do município. Jadir de Oliveira, de 51 anos, chegou na unidade com 06 perfurações de arma de fogo pelo corpo, 05 nas costas e 01 no ombro.

Segundo informações Jair foi encontrado caído numa das estradas de acesso ao garimpo, com sua motocicleta sob seu corpo. Um popular que passou pelo local prestou socorro, crendo ser a vítima de um acidente de trânsito. 

Após deixar a vítima no hospital, este veio a saber do falecimento e que na verdade a vítima tinha sido atingida por 06 disparos de arma de fogo, de calibre .40, 05 dos quais atingiram as costas de Jair, saíndo pela região abdominal e um outro disparo, que atingiu o ombro.

Uma equipe de policiais civis foi até a unidade e encontrou a vítima na maca em que fora deixado e o caso agora segue em investigação.

Segundo familiares, Jair era uma pessoa de boa índole, sem problemas ou desavença que pudesse levar a uma execução.

Jair de Oliveria era do município de Colniza e havia chegado a Aripuanã para trabalhar no garimpo. Na mesma noite outro homem também foi encontrado morto, com diversas perfurações de arma branca pelo corpo, num dos bairros da cidade.

Fonte: Repórter em Ação

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *