PM de Colniza(MT) conduz 04 suspeitos para delegacia por perturbação do trabalho ou sossego alheio, desobediência, resistência e desacato

Neste domingo dia 12 de julho de 2020 a Guarnição da Polícia Militar recebeu várias ligações no 190 informando de um som alto incomodando a vizinhança no Bairro Bela Vista em Colniza, próximo a escola Vinicius de Moraes.

A viatura deslocou ao local onde encontrou os moradores sob efeito de álcool, os mesmos questionavam a legalidade da ação policial então foi solicitado que baixassem o volume do som, e a princípio foi atendido, porém assim que a viatura se retirou o proprietário da residência voltou a aumentar o volume do som, resultando em novas ligações no telefone de emergência.

Então a guarnição retornou ao local para solicitar ao cidadão novamente que baixasse o volume, porém foi recebida com hostilidade e agressividade pelo mesmo é sua esposa.

O morador foi alertado quanto ao crime de desobediência, além da contravenção de perturbação do trabalho ou sossego alheio, mas se negava a acatar as determinações, em certo momento tentou repelir a guarnição com força física e foi atingido com um disparo de choque e foi imobilizado e algemado.

A esposa e outras duas pessoas presentes também tentaram interferir na ocorrência e partiram pada agredir os policiais, mas também foram contidos e levados até a viatura.

Todos os 4 envolvidos, juntamente com o aparelho de som, foram encaminhados à delegacia para ser lavrado o flagrante.

Alerta:

A PM frequentemente vem atendo essas ocorrências em Colniza e na maioria das vezes os moradores estão sob efeito de álcool e tem complicado o atendimento.

E com isso, Eles(moradores) acham que a guarnição não tem autoridade para adentrar a residência e apreender o som, mas na verdade, quando há uma denúncia a polícia pode e deve realizar a apreensão do equipamento e a condução do morador a delegacia.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?