Líder Bolsonarista que levaria 300 caminhões para fechar STF está internado com coronavírus

Um dos líderes do grupo bolsonarista que está acampado em Brasília pregando intervenção militar foi internado na UTI após se infectar com coronavírus. A informação é de um de seus colegas do acampamento, o militar da reserva Paulo Felipe, conhecido como “Comandante Paulo”.

Em vídeo, Paulo havia afirmado que “300 caminhões” se encontravam a caminho de Brasília, onde chegariam na última sexta-feira (8). De acordo com ele, o grupo buscava dar “cabo dessa patifaria que está estabelecida no nosso país há 35 anos por aquela casa maldita ali, Supremo Tribunal Federal, com 11 gangsters”. O comboio, no entanto, nunca apareceu.

Foi Paulo quem afirmou ao Congresso em Foco que o “comandante” do grupo está internado.

“Eu não vou te dar muitas informações porque o autor do comboio, o comandante do comboio está debilitado. Ele pegou covid-19, estava na UTI, estou aguardando ele me dar retorno sobre isso e ele é que está no comando dessa operação. Eu divulguei pra ele, porque eu divulgo vídeos quase que diariamente, ele me contactou e pediu para que eu divulgasse, aproveitasse a minha evidência nas redes sociais e divulgasse pra ele”, afirmou, sem citar o nome do líder do grupo.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?