qui. jun 4th, 2020

Polícia prende filha de casal que morreu carbonizado dentro de carro em São Bernardo do Campo

Ana Flávia Gonçalves, de 24 anos, e a companheira dela, Carina Ramos, 31 anos, foram presas na tarde desta quarta-feira enquanto seguiam para escritório de advogado. Justiça decretou prisão temporária de 30 dias.

A Justiça de São Bernardo do Campo decretou a prisão temporária de 30 dias de Ana Flávia Gonçalves, de 24 anos, e a companheira dela, Carina Ramos, 31 anos. Elas foram presas na tarde desta quarta-feira (30), quando se dirigiam para o escritório de um advogado. Elas são suspeitas de envolvimento na morte do casal que foi encontrado carbonizado no interior de um carro em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista.

O juiz Fernando Martinho de Barros Penteado, da vara do júri de São Bernardo do Campo, atendeu ao pedido do delegado titular e chefe da divisão de homicídios de São Bernardo, Paul Henry Bozon Verduraz.

Em depoimento, a filha do casal morto mencionou um possível envolvimento com agiotas, mas a polícia já tinha como uma das linhas de investigação uma possível briga familiar.

No crime morreram Flaviana Gonçalves, o marido Romuyuki e o filho adolescente.

O crime aconteceu na manhã desta terça-feira (28), na Estrada do Montanhão, próximo ao Rodoanel.

Até agora, a investigação ouviu o depoimento de dez pessoas, entre elas a filha do casal.

Polícia isolou área em São Bernardo do Campo — Foto: Reprodução/TV Globo

Polícia isolou área em São Bernardo do Campo — Foto: Reprodução/TV Globo

Após apagarem o fogo, os bombeiros verificaram que havia pelo menos dois corpos, totalmente carbonizados, no porta-malas do veículo.

A Polícia Militar está no local, preservando a área para que seja feita a perícia. O caso será registrado no 6º Distrito Policial de São Bernardo do Campo.

Corpos carbonizados são encontrados em carro incendiado, no ABC

Corpos carbonizados são encontrados em carro incendiado, no ABC

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?