Duas mulheres são assassinadas em canavial e corpos arrastados e enterrados em casa em MT

Testemunha encontrou os corpos depois de seguir rastros de plantação até a casa. Ex-marido de uma das vítimas procurou a polícia e disse que ele não é o autor do crime.

Duas mulheres foram assassinadas na zona rural de Peixoto de Azevedo, nessa quinta-feira (16). Maria Cleilde Monteiro Brandão, de 34 anos, e Nérias Dantas Amorim, de 20 anos, foram mortas em um canavial e depois os corpos foram arrastados até uma casa onde foram enterradas. Eles eram amigas.

Havia marcas de facadas nos corpos, segundo a Polícia Civil.

A polícia foi até o local depois que uma testemunha encontrou os corpos, depois de seguir as marcas na plantação de cana.

Essa testemunha localizou uma cova e depois de cavar um pouco encontrou o corpo de uma das vítimas.

Após o corpo ter sido localizado, equipes da Polícia Civil, Politec, Polícia Militar e a funerária da cidade foram até o local. A Politec colheu informações sobre as circunstâncias do crime. O outro corpo também foi encontrado.

Na propriedade foi encontrado o celular de uma das vítimas.

O aparelho foi apreendido pela polícia.

O ex-marido de Maria Cleilde foi até o Batalhão da Polícia Militar e alegou que não tinha relação com o duplo homicídio.

A polícia busca identificar o autor do duplo homicídio.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT

Qual é a sua Opinião?