qui. nov 21st, 2019

Estudantes de escolas em MT estão sem aulas em disciplinas por falta de professores

Segundos os diretores, a ordem é para não contratar professores substitutos. O governo afirma que a decisão é baseada na lei que impede a contratação em período eleitoral.

Há cerca de uma semana, alunos de algumas escolas estaduais estão sem aula em algumas disciplinas por falta de professores. Nos três meses que antecedem as eleições, novas contratações temporárias são proibidas pela Justiça Eleitoral.

Por isso, profissionais que tiveram que se afastar por licença, ou por causa do vencimento do contrato, não foram substituídos.

Enquanto isso, os estudantes estão fora das salas de aula. “Vamos ficar aqui do lado de fora esperando um professor novo. Até a próxima aula, se tiver”, afirmou Pedro Henrique, um dos alunos.
O diretor da unidade alega que não tem o que fazer. Segundo Dimas da Silva, a ordem do governo é para não contratar professores substitutos.

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc-MT), afirma que a decisão é baseada na lei que impede a realização de contratos temporários em período de campanha eleitoral.

Na nota técnica enviada a toda a rede estadual sobre a suspensão dos contratos, a Seduc recomendou que as escolas utilizem o corpo docente disponível ou que as escolas façam a junção de turmas e distribuíam professores entre salas que estão sem aulas.

Para o sindicato, uma solução seria a convocação de aprovados em concurso público.

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT, em 21/08/2014, conforme processo nº 46210.001548/2014-14

Qual é a sua Opinião?