Governador de MT veta projeto que obrigaria MPE a prestar contas à Assembleia Legislativa

A principal proposta feita pelos deputados estaduais seria a obrigatoriedade do MPE em prestar contas da execução orçamentária ao Poder Legislativo.

O governador Mauro Mendes (DEM) vetou o projeto de lei que autorizava a Assembleia Legislativa a julgar as contas do Ministério Público Estadual (MPE).

O veto foi publicado no Diário Oficial que circula nesta quarta-feira (3).

Para o governador, haveria a invasão da competência do Poder Executivo para deflagrar processo legislativo que altera a organização do Ministério Público.

O governador também cita a competência facultada ao procurador-geral de Justiça para dispor sobre o tema.

A principal proposta feita pelos deputados estaduais seria a obrigatoriedade do MPE em prestar contas da execução orçamentária ao Poder Legislativo.

Quando foi proposto pela Assembleia Legislativa, o projeto foi recebido negativamente pelo MPE e causou controvérsia entre os deputados, mas foi aprovado pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação e pelo plenário.

Jornalista Renato Pantanal

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT, em 21/08/2014, conforme processo nº 46210.001548/2014-14

You May Also Like

Qual é a sua Opinião?

%d blogueiros gostam disto: