Mulher sequestrada pelo ex, após matar o atual companheiro dela, é encontrada viva

Familiares da mulher sequestrada pelo ex-marido, na tarde deste sábado (29), em Cuiabá, depois que ele matou a tiros o atual companheiro dela, foi liberada na região de Pontes e Lacerda (a 442 km da Capital). A Polícia Civil também confirma esta informação e diz que Larícia Melhorança Reyes estava próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF). O ex-marido, José Antônio de Assis, segue em fuga. Forças da Segurança Pública tentam rastreá-lo e prendê-lo. Vídeo mostra o momento em que ele invadiu um posto de combustíveis, na rua Miranda Reis, na Capital, atirou em Roberto Lemos dos Santos, 50, e escapou em um Fluence preto. O carro ele abandonou no posto antes da PRF.

A Polícia cogitou que José fazia a rota até o Paraguai ou para Rondônia, onde tem uma irmã e terra natal do acusado.

O filho mais velho da vítima informa que ela está viva e bem e que a família está dispondo de um carro para ir buscá-la. Havia o temor do ex-marido executá-la também, a exemplo do que fez com o companheiro atual.

Conforme apurou a reportagem, as filhas da mulher, que viram o crime, não se feriram.

O crime tem características de ser passional, premeditado.

Esta história de violência começou logos nos primeiros tempos, em que Larícia se casou com José Antônio. Ela percebeu que era agressivo e quis se separar. Ele não aceitou bem a ideia. No momento, ela estava se relacionando com Roberto, que morreu no posto, dentro do carro dele.

Equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi ao posto para iniciar as investigações do caso e abriu inquérito policial.

Fonte: RD NEWS

Jornalista Renato Pantanal

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT, em 21/08/2014, conforme processo nº 46210.001548/2014-14

You May Also Like

Qual é a sua Opinião?