Sobe para quatro o número de mortos em tromba d’água durante rapel em MG

Água atingiu Cachoeira do Zé Pereira em São João Batista do Glória; duas pessoas ainda estão desaparecidas.

A equipe de resgate que trabalha nas buscas na Cachoeira do Zé Pereira, em São João Batista do Glória (MG), encontrou três corpos do grupo que desapareceu em uma tromba d’água, na tarde deste sábado (22), quando fazia rapel. Uma mulher já havia sido encontrada no início da manhã. Outros dois homens ainda não foram localizados.

O incidente aconteceu quando um grupo de quatro pessoas descia um paredão utilizado para rapel no local, que é de difícil acesso e fica no bairro rural das Palmeiras. Segundo familiares das vítimas, que acompanham as buscas, os outros dois desaparecidos são um casal que nadava na cachoeira.

A primeira vítima a ser identificada foi Pollyana Diniz, de 26 anos. De acordo com amigos, ela estudou na PUC-Campinas e morava na cidade paulista desde os tempos de faculdade. Ainda segundo amigos, ela havia acabado de tirar férias do trabalho e estava no local da tragédia passeando.

Uma tia de Pollyana informou ao G1 que o velório da jovem está marcado para começar às 6h desta segunda-feira (24), na cidade de Passos (MG).

As outras vítimas foram reconhecidas como Mariana de Melo Horta, de 23 anos, Alexsandro Antônio Pereira de Souza, de 32 anos, e Maurílio Pádua Silveira, de 30 anos. Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Passos (MG).

De acordo com a repórter Graziela Fávaro, da EPTV, afiliada da Rede Globo, o último corpo foi encontrado em um pequeno riacho em uma fazenda na zona rural de São João Batista do Glória.

Buscas

A primeira informação era de que apenas uma mulher estaria desaparecida após a chuva no fim da tarde de sábado. O Corpo de Bombeiros foi acionado pelas famílias e começou as buscas logo depois, mas o trabalho teve que ser interrompido devido à falta de claridade com a chegada da noite.

Logo no início da manhã deste domingo, no entanto, o corpo da mulher foi encontrado. Depois, já por volta de meio dia, as demais vítimas começaram a ser localizadas.

A equipe de resgate é formada pelo Corpo de Bombeiros, peritos, familiares das vítimas e moradores da região. Um helicóptero que está sendo utilizado no serviço de resgate foi dispensado por volta das 16h devido ao risco de novas chuvas na região.

As buscas foram interrompidas por volta das 18h pelo mesmo motivo e devem ser retomadas no início da manhã desta segunda-feira (24).

Jornalista Renato Pantanal

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT, em 21/08/2014, conforme processo nº 46210.001548/2014-14

You May Also Like

Qual é a sua Opinião?