PCC X CV em MT – Sobrevivente de chacina em Várzea Grande revela que assassinos eram do “CV”

Guerra de Facções em Mato Grosso

Junior da Silva Pereira, 23 anos, um dos baleados na chacina ocorrida na manhã desta quarta-feira (3), no centro de Várzea Grande, disse à polícia que os homens encapuzados que invadiram a casa e chegaram dizendo ser da facção criminosa “Comando Vermelho” e iriam executar rivais.

As vítimas feridas e os dois rapazes mortos, identificados preliminarmente como Felipe Melo dos Santos e Leandro, seriam da facção PCC (Primeiro Comando da Capital). Vítor Santana dos Santos precisou passar por cirurgia e segue internado no pronto-socorro de Cuiabá.

A Polícia Civil ainda deve fazer a checagem dos nomes repassados pelo ferido e apura se o caso se trata de uma “guerra de facções”.

Até o momento, o que se sabe é que nesta manhã de quarta-feira (3), dois homens foram assassinados e dois ficaram feridos e encaminhado ao PSVG. O caso teria ocorrido as 08h30 e, duas horas depois, duas mulheres foram encontradas mortas dentro do Rio Cuiabá.

Elas estavam com as mãos amarradas e diversas tiros pelo corpo.

A Polícia realizou a checagem nos nomes dado pelo suspeito e consta de que são de Tangará da Serra. O grupo estaria na capital desde a sexta-feira (28) e foi surpreendido pelos suspeitos rivais.

Jornalista Renato Pantanal

Jornalista e redator

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *