Ameaçada, família de ariranhas enfrenta e bota onça-pintada para correr no Pantanal em MT; veja vídeo

Segundo guia de turismo, onça se sentou em um tronco usado como ‘refeitório’ das ariranhas. Cerca de 6 ariranhas se uniram contra felino e arrancaram risos de turistas que observavam a cena.

Intimidadas e ameaçadas, uma família de ariranhas enfrentou e expulsou uma onça-pintada que tentava se aproximar dela na região de Porto Jofre, em Poconé, a 104 km de Cuiabá, área do Pantanal mato-grossense.

As ariranhas se revoltaram porque a onça estava no tronco usado por elas como ‘refeitório’, segundo o guia de turismo e empresário, Ailton Lara.

Clique aqui e assista

Ele presenciou e gravou a cena durante um passeio de barco guiado para turistas no final do ano passado no Rio São Lourenço. Ailton trabalha no setor há quase 20 anos.

O vídeo foi divulgado recentemente e reproduzido por veículos internacionais de comunicação.
Considerado o maior felino das Américas, a onça-pintada teve seu reino ameaçado por um dia: cerca de seis ariranhas avançaram contra ela, que rapidamente fugiu para a mata. A onça-pintada que aparece no vídeo é conhecida como Ague. Ela nasceu em 2015 e é monitorada pelos guias de turismo.

“Estávamos observando essa onça-pintada, que se embrenhou na mata. Ela saiu justamente perto de uma toca de ariranhas. A onça sentou em um tronco que as ariranhas usavam para se alimentarem de peixes. Para as ariranhas, foi uma audácia a onça ficar sentada ali”, explicou Ailton ao G1.

O grupo de turistas observava a onça e as ariranhas por mais de uma hora. Segundo o guia de turismo, uma ariranha, líder da família, tinha se ausentado dos demais para procurar outra toca, perto da água. Foi nesse momento que a onça-pintada surgiu às margens do rio.

De acordo com o guia de turismo, na época da seca no Pantanal, muitos animais se concentram ao longo de rios, baias e lagoas. As ariranhas são animais carnívoros, semiaquáticos e sempre estão em grupos sociais cuidando do seu território.

Para Ailton, as ariranhas na água também mostraram força, pois ao enxergarem a onça-pintada próximo da toca – usando o mesmo tronco em que as ariranhas usam para comer peixes diariamente – foi realmente uma ameaça ao território das ariranhas.

No vídeo, as ariranhas começaram a produzir vocalizações alertando o perigo. As ariranhas gritavam e tentavam intimidar a onça-pintada por estarem em grupo e ao mesmo tempo haviam filhotes de ariranhas dentro da toca.

Jornalista Renato Pantanal

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT, em 21/08/2014, conforme processo nº 46210.001548/2014-14

You May Also Like

Qual é a sua Opinião?