Escola construída há 20 anos que nunca passou por reforma tem infiltrações, mofos e goteiras em MT

Três salas e um banheiro foram interditados no ano passado. Sintep-MT diz que prédio corre o risco de desabar.

A Escola Estadual Damião Mamede do Nascimento, na zona rural de Jangada, a 82 km de Cuiabá, está com sérios problemas de estrutura. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/MT), o prédio está com infiltrações, problemas no telhado, forro com mofo e falhas na parte elétrica.

O Sintep informou que a diretora da escola, Mediane Aparecida Nunes, denunciou que o prédio corre o risco de desabar.

Em nota, a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) diz ter identificado irregularidades na prestação de contas da escola, o que impossibilita a liberação de recursos. A pasta ainda ressaltou que a escola já foi informada sobre a necessidade de regularização e que, após esse processo, a escola deve enviar uma nova solicitação para a liberação de verba.

Depois de tomar conhecimento da precariedade do prédio, o presidente do Sintep, Henrique Lopes, disse que se reuniu com a diretora da unidade escolar, na última sexta-feira (23). Na ocasião, ela disse que os pedidos para a reforma da escola vendo sendo protocolados na Seduc desde 2016, mas nada foi feito.

O Sintep afirma que, segundo a diretora, a última vistoria feita pela Seduc foi em 2017 e, na ocasião, foram interditadas três salas e um banheiro, mas não houve reforma em nenhuma parte do prédio.

Ela contou que no início do ano letivo de 2018 houve um curto-circuito na sala dos professores, que deixou marcas no forro.

De acordo com Henrique Lopes, a escola foi inaugurada há 20 anos e, desde então, só passou por algumas reformas paliativas e nenhuma obra geral.

“Os alunos estão correndo risco de vida. Esse problema não é ausência de recursos, mas falta de prioridade por parte do governo”, disse Henrique.

Jornalista Renato Pantanal

Jornalista e redator na Empresa O Pantanal OnLine, sob o número 0002048/MT, em 21/08/2014, conforme processo nº 46210.001548/2014-14

You May Also Like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: