Jornalista R. Pantanal 1 de dezembro de 2017

Polícia Civil apreende 35 kg de maconha e prende seis pessoas em Tangará da Serra

Aproximadamente trinta e cinco quilos de maconha foram apreendidos pela Polícia Judiciara Civil de Tangará da Serra (239 km a Médio Norte) nesta quinta-feira (30.11). Os 33 tabletes da droga estavam escondidos dentro de uma mala no porta-malas de um táxi. Seis pessoas foram presas, entre elas estão quatro menores de idade. .

Os suspeitos foram identificados como Diego Cordeiro Gonçalves, de 20 anos, autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menores. Os adolescentes apreendidos, M.D.N. de 17, A.B. de 15, N.A.V. de 17 e T.S. também de 17 anos, responderão ato infracional análogo a tráfico de drogas.
O sexto preso foi Marco da Silva Nascimento, pai de um dos menores, autuado também por tráfico de drogas.

Conforme o delegado do Núcleo de Inteligência de Tangará, Nelder Martins, os policiais chegaram até os suspeitos após informações de que menores estariam traficando drogas em uma casa no bairro Jardim Monte Líbano. “Durante o monitoramento próximo a residência, um táxi estacionou na frente da casa e dois dos suspeitos colocaram a mala dentro do porta-malas”, disse.

O  táxi foi abordado logo em seguida. Já outra equipe de policiais civis permaneceu no local, entrou na casa e efetuou o flagrante dos demais envolvidos.

Ato contínuo, os investigadores  foram  até a casa de Marco da Silva Nascimento, que é pai de um dos menores, para que ele o acompanhasse na delegacia. No local, que também funciona uma oficina, Marco apresentou nervosismo, o que chamou a atenção dos policiais.

Durante revista no interior da residência, 10 porções de maconha foram localizadas. Diante da situação, o pai do menor também foi detido.

Os envolvidos já tinham passagem pelo crime de associação ao tráfico de drogas e uma investigação será feita para verificar se o taxista possuí relação com o grupo.

A ação contou com apoio dos policiais civis do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra), da Delegacia Regional e da 1º Delegacia de Polícia de Tangará da Serra.

 

Leave a comment.

Your email address will not be published. Required fields are marked*